(31) 3222 7587 . 3347 4007 . 3245 2122 Rua Padre Rolim, 815 Sala 107
Santa Efigênia . Belo Horizonte . MG

Dicas

Gravidez

A mulher grávida possui algumas particularidades que devem ser consideradas quando se pensa em orientação postural. A dor lombar é comum durante a gravidez ou pós-parto, atingindo cerca de 50% das mulheres grávidas. Além disso, o aumento nos níveis do hormônio relaxina leva ao relaxamento ligamentar, o que pode gerar dor. O aumento de tamanho e de peso do feto produz maior tensão sobre a coluna,favorecendo alterações posturais.

No entanto, futura mamãe, algumas medidas podem e devem ser tomadas para que você previna quadros dolorosos e conquiste um maior bem estar. A seguir, você encontrará algumas dicas.

A gravidez vem, geralmente, acompanhada de fadiga. Por isso, não relute em repousar! Abaixo estão algumas posições confortáveis para o descanso!

Realize atividades físicas como arrumar a cama, cuidar de outra criança em posição AJOELHADA.

Ficar de pé ou inclinada sobre o local de trabalho gera dor nas costas! Previna-a colocando um dos pés sobre um apoio baixo.

Evite subir escadas ou ficar sobre apoios altos no final da gravidez, quando o equilíbrio torna-se mais instável.

NÃO realize exercícios INTENSOS durante a gravidez. Evite saltos e movimentos abruptos.

No entanto, a prática de atividades físicas é fundamental!

Prefira exercícios como a caminhada, natação e ciclismo.

Durante a gravidez, as curvas da coluna tendem a se acentuar, gerando dor. Procure alivia-las através:

  • do alongamento da região posterior da cabeça
  • jogando os ombros para trás
  • trazendo a pelve para trás, contraindo os músculos abdominais, de maneira a sentir o bebê sentado na pelve. Flexione os joelhos levemente.
  • distribua o peso igualmente em todo o pé

A escolha dos equipamentos adequados

O carrinho para o bebê

Escolha um carrinho leve, com sistema de rodas da frente que girem, facilitando a locomoção. O guidão deve ter altura adequada para evitar a flexão do tronco da mãe para a frente.

Use um travesseiro de apoio para a cabeça do bebê.

O berço

Prefira aqueles com a lateral removível, facilitando a retirada do bebê.

Um berço que possua níveis também é mais adequado.

Banhos

Evite banhos em recipientes baixos e que exijam muitos carregamentos de água em jarras para enchê-lo ou levantamento do próprio recipiente cheio.

Prefira banheiras que você pode encher diretamente nas torneiras do banheiro. As banheiras podem ser colocadas sobre a pia ou sobre a banheira de adulto, permitindo que a mãe se ajoelhe durante o banho do bebê.

Berços portáteis

Devem ser carregados na frente do corpo e não ao lado. A mãe deve ser capaz de manter o antebraço próximo ao corpo.

Prefira um canguru! Ele deve ser colocado o mais alto possível e estar bem ajustado. Evite usá-lo por longos períodos, neste caso use carrinhos.

Durante a TROCA DE FRALDAS utilize uma superfície que esteja na altura da cintura ou fique semi-ajoelhada sobre o chão.

Evite flexionar o tronco para trocar fraldas.

Durante a AMAMENTAÇÃO adote uma postura confortável. Apóie as costas num encosto e o bebê em altura confortável sobre travesseiros.

Deitar-se de lado é uma posição confortável para algumas mães.

Evite gerar forças assimétricas. Carregue a criança mais pesada de frente.